domingo, 5 de janeiro de 2014

Te confesso

Estou apaixonado: não por ti,
 mas pela tua solidão.

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

De Carne e Alma.


Sem sangue e sem pulso, converso com meu coração
"Aí ainda tem amor?".
 Ele, então, bateu uma ultima vez e se pôs a dormir.