sábado, 28 de dezembro de 2013

Contracapa

Nunca encontrei redenção
E no mais longo dos abraços...
Pouco encontrei
Se não proteção

Pois feito de cicatrizes
De marcas
De arranhões
Meu corpo é um livro
Um livro de cabeceira

Viver é um trabalho de arte
Estar vivo é ser um artesão
E na arte, construir muros, livros...
Muros que seguram
Livros que são proteção.

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Constatei

Sorrir é um exercício de atuação
&
Crescer é um exercício de solidão.